margaridas

margaridas

SER VERTICAL

Ser antes de tudo

o que se quer.

Não parecer o que se não é.

Ser afinal cada qual

quem é.

Ser sempre o que se deve ser.

Vertical.

Inteiro.

De pé.

Maria Emília Costa Moreira

Seguidores

sábado, 15 de outubro de 2011

ESPLENDOR


Corpo aceso

habitado de mil fogos

saturados de rubro.


Corpo leve

na floresta densa

dos sentidos cegos de luz.


Corpo aberto

voluptuosamente húmido

na nudez desse ceptro.


Flor

Paixão

Lume

Esplendor

Visão

Sede

D’amor.


6 comentários:

  1. Outstanding image and a lovely poem!

    ResponderEliminar
  2. J'ai traduit le texte de ton poème, il est très beau.
    Bon dimanche.

    ResponderEliminar
  3. Lindo! Doce cadência de versos.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  4. Grata pela visita! Uma boa semana para todos e bons trabalhos!

    ResponderEliminar
  5. Una foto preciosa, lo mismo que las palabras

    ResponderEliminar